Dinamarca Fecha Cinemas, Outra Vez, Devido a Novo Surto de COVID-19

Imagem de referência
Foto de Pedro SousaPostado por Pedro Sousa em 17/12/2021 15:41:51

A Dinamarca fechou, recentemente, cinemas, lojas e restaurantes no período que antecede os feriados nacionais, para fazer frente ao aumento de casos de COVID-19 e tentar conter a disseminação da nova variante.

O país escandinavo relatou mais de 11.194 novos casos de infecções pela primeira vez durante toda a pandemia até agora. Esse é, até então, os maiores números de casos causados pela nova variante, a omicron, já registrados, de acordo com a Bloomberg.

Este não é um lockdown como vimos no inverno passado, mas precisamos reduzir imediatamente a atividade na sociedade”, disse a primeira-ministra Mette Frederiksen.

Ela disse que o governo vai compensar as empresas afetadas pelas novas restrições. Assim como ocorreu na Holanda, a Dinamarca também fechou as escolas uma semana antes do feriado de Natal. As diretrizes mais rígidas serão aplicadas a partir de sexta-feira e permanecerão em vigor por quatro semanas, adentrando, dessa forma, o ano de 2022.

A Noruega, outro país nórdico, começou a limitar as reuniões a 10 pessoas em residências privadas, no início desta semana, e reintroduziu medidas de distanciamento social em restaurantes. Entretanto, os eventos onde as pessoas podem ficar de pé têm um limite máximo de 50 pessoas, de acordo com a Euronews.

Consideramos a situação grave. Tanto as infecções [pela variante] delta quanto [pela variante] omicron estão aumentando na Noruega. O número de pessoas que são admitidas em hospitais e unidades de terapia intensiva (UTI) está aumentando ”, disse o primeiro-ministro da Noruega, Jonas Gahr Stoere.

De volta à Alemanha, onde o Festival de Cinema de Berlim ainda deve começar em fevereiro do ano que vem, o país tornou a vacinação obrigatória em espaçoes não essenciais, tais como: restaurantes e estádios de futebol, cinemas, teatros e outros destinados às artes e cultura.

Os cinemas, entretanto, permaneceram abertos. Hoje, 17 de dezembro, cerca de 68,9% dos alemães estavam totalmente vacinados. Outra medida adotada pelos alemães foi a vacinação em crianças, Berlim, por exemplo, já começou a vacinar crianças menores de 12 anos.

 

 

 

 

 

Fonte: Variety

O que achou? Comente!