Morre, aos 52 Anos, Helen McCrory, A Polly de 'Peaky Blinders'

Imagem de referência
Foto de Pedro SousaPostado por Pedro Sousa em 16/04/2021 15:35:57

Helen McCrory, a atriz inglesa que interpretou Narcissa Malfoy na franquia “Harry Potter” e Polly Gray em “Peaky Blinders”, morreu. O anúncio foi feito hoje (16) por seu marido, no Twitter. McCrory tinha 52 anos.

 

Imagem de referência do post

“Estou com o coração partido em anunciar que, após uma batalha heróica contra o câncer, a bela e poderosa mulher que é Helen McCrory morreu pacificamente em casa, cercada por uma onda de amor de amigos e familiares. Ela morreu como viveu. Destemidamente. Deus, nós a amamos e sabemos a sorte que tivemos de tê-la em nossas vidas. Ela brilhou tão intensamente. Vá agora, pequena, para o ar, e obrigado"

A estrela britânica contracenou em obras como "Skyfall", da franquia 007, "A invenção de Hugo Cabret" de Martin Scorsese e interpretou Cherie Booth, esposa do primeiro-ministro britânico Tony Blair, em "A Rainha".  Além de seus papéis no cinema e na TV, McCrory começou sua carreira nos teatros e apareceu em mais de 25 produções durante a década de 1990 até meados de 2010.

Seu legado incluem "Macbeth", "Orgulho e Preconceito", "O Fantástico Senhor Raposo", "Medea" e muitos outros. Ela se juntou à família “Harry Potter” em “O Enigma do Príncipe", interpretando Narcissa Malfoy, a mãe de Draco Malfoy (Tom Felton) e esposa de Lucius Malfoy (Jason Isaacs). Ela reprisou o papel em ambos os filmes finais da série, a saber: “Harry Potter e as Relíquias da Morte 1 e 2".

Em "Peaky Blinders", ela interpretou Polly Gray, tia de Tommy Shelby (Cillian Murphy) e tesoureira da família da gang inglesa os Peaky Blinders em todas cinco temporadas da série produzida pela BBC.

A atriz também fez aparições em "Penny Dreadful", "Doctor Who", "North Square" e emprestou sua voz ao desenho "Phineas e Ferb".

Durante sua carreira no teatro, televisão e cinema, McCrory recebeu vários prêmios. Tais como melhor atriz no London Film Critics Circle, Broadcasting Press Guild Awards, Critics ’Circle Theatre Awards e melhor atriz de teatro do ano no Glamour Awards.

Ela foi indicada para o Critics Choice Television Award e o Satellite Award como melhor atriz coadjuvante de drama por “Penny Dreadful”. Por seu papel em “Macbeth” em 1995, ela foi eleita a estreante mais promissora no Shakespeare Globe Awards.

O que achou? Comente!