Netflix Fará Documentário Sobre a Batalha Judicial de Britney Spears

Imagem de referência
Foto de Pedro SousaPostado por Pedro Sousa em 21/09/2021 19:11:00

Um documentário da Netflix sobre o processo de emancipação da cantora Britney Spears, aparentemnte, está um passo mais próximo de sair do papel. Se tudo seguir como quer a empresa, temos um na quarta-feira (22).

O documentário está sendo dirigido por Erin Lee Carr - diretora do documentário que cobriu o escandâlo de múltiplos abusos na seleção de ginástica dos EUA -  e está em andamento há mais de um ano. 

O documento da Netflix girará em torno da tutela altamente incomum de Spears, a qual foi pauta de inúmeras reportagens nos últimos meses. Não se sabe, ainda, se a própria Britney apareça no projeto, embora as chances sejam grandes. Contudo há duvídas ness ponto, dado que a cantora foi, durante o tempo de tutela imposto pela justiça, impedida, rigorosamente, de fazer acenos muito bruscos à mídia.

No início deste mês, entretanto, o pai da estrela, Jamie Spears, pediu a um juiz que encerrasse sua tutela de 13 anos, não sem muito alarde midíatico e várias hashtags no Twitter. O documentário produzido pela Netflix, seguirá os passos de "Framing Britney Spears: A Vida de uma Estrela", da plataforma Hulu, e que foi distribuído em colaboração com o FX.

Esse documentário - que focou, em grande medida, o movimento #FreeBritney, o qual acusava a tutela da cantora de ser injusta, pois a mesma estaria sendo coagida a tal contra a sua vontade - causou um alvoroço nas redes sociais e um interesse ainda maior em relação à tutela incomum da estrela pop.

A situação da tutela, todavia, foi empurrada para o centro do ciclo de notícias internacionais, após Britney dar seu próprio testemunho, pela primeira vez , em 23 de junho desse ano. O mesmo ocorreu durante sua primeira audiência pública no Tribunal Superior de Los Angeles.

Desde a audiência, em que ela chamou sua tutela de "abusiva", a batalha legal da cantora continuou com o apoio inabalável de Hollywood e fãs ao redor do mundo, sem mencionar o escrutínio da mídia e as investigações dos fãs em todos os processos judiciais.

Spears foi fortemente protegida de entrevistas na mídia e aparições públicas durante sua tutela, especialmente nos anos mais recentes. Em seu depoimento, aquela fez menção a como estava sendo impedida de falar com a impressa. Pois, sua tutela afirmava que por conta de sua "sanidade", ela precisaria de aprovação até para dar uma entrevista. 

O documentário ainda não possui data de estréia, mas é esperado que saia apenas no segundo semestre de 2022, e se chamará "Britney VS Spears", uma alusão ao sobrenome do pai, o qual mantinha a custodia. 

O que achou? Comente!